sábado, 7 de março de 2009

Exposição do corpo humano

Será inaugurada hoje, em Porto Alegre, a exposição que, para falar de vida, trata de expor cadáveres. . Trata-se da exposição Corpo Humano: Real e Fascinante, que tem como mentor o médico americano Roy Glover e reúne 16 corpos inteiros, cadáveres, bem entendido, e 225 órgãos. Agora, vamos por partes.

A exposição pode e deve ser vista seguindo aquele velho ditado que diz: para morrer, basta estar vivo. Com esse pragmatismo em mente, pode-se então mergulhar no seu lado sério, o lado científico no qual se destaca a técnica de plastinação ou polimerização de corpos humanos: eles são desidratados e recebem quimicamente substâncias plásticas que os mantêm maleáveis e sem odor.



A polimerização é uma espécie de plastificação da matéria na qual os tecidos são esvaziados de água e, imediatamente, preenchidos com borracha líqüida de silicone. O mesmo ocorre com os órgãos. Essa técnica de preservação permite que sejam mantidas nuances de textura e cor de corpos e órgãos inteiros.



A visitação, de domingo a domingo, no Centro de Convenções do BarraShoppingSul, vai se estender até 10 de maio, sem restrição etária . O preço do ingresso varia de 20 reais a 40 reais.

Busca

Pesquisa personalizada

Popular Posts

google search

Pesquisa personalizada
Ocorreu um erro neste gadget