terça-feira, 28 de julho de 2009

Bovespa e pre-sal

Vai saber? O Brasil sai da recessão, dizem. Em Maio. E a petrobras fura poços secos. putz. Assim não dá.

Em meio ao movimento de ajuste que toma conta do mercado brasileiro nesta terça-feira (28), as ações da Petrobras (PETR3, PETR4) se destacam entre as principais perdas do Ibovespa na sessão.

Pressionados pelas incertezas em torno do real potencial da área do pré-sal e pela queda dos preços do petróleo, os papéis ordinários da estatal aparecem com a terceira maior baixa do principal índice acionário do País, de 2,39%, e são seguidos de perto pelos ativos preferenciais, que caem 2,31% no pregão.

Poços secos no pré-sal
Conforme aponta notícia publicada pelo jornal Valor Econômico nesta terça-feira, a região do pré-sal da Bacia de Santos - tida como a maior província petrolífera encontrada no mundo nos últimos trinta anos - também possui poços secos.

Até o momento, o único fracasso conhecido no pré-sal era o da Exxon, no poço Guarani, perfurado no bloco BM-S-22 da bacia de Santos e onde a gigante norte-americana também descobriu o reservatório batizado de Azulão. No entanto, de acordo com a matéria, outras perfurações ao longo da região também não acharam óleo.

Este pode ser o caso do poço Corcovado, descoberto pela britânica BG e pela Petrobras em abril deste ano. Isto porque, no resultado informado ao BDEP (Banco de Dados de Exploração e Produção) após a perfuração da jazida, consta a informação: "seco sem indícios de petróleo".

Nenhum comentário:

Busca

Pesquisa personalizada

Popular Posts

google search

Pesquisa personalizada
Ocorreu um erro neste gadget